Oração

EU DEVOREI TUAS PALAVRAS

Quarta-feira – 26/08/2020

OLHAR

Encare hoje as pessoas com este olhar: Também Pedro é vítima do espírito de poder. Quem sabe também ela acha que se poderá levar com mais eficáciaa verdade de Cristo usando as “levas do poder”. Mas o poder não dá nem liberdade e nem paz, se não se tornar serviço. “O Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir”.

ORAÇÃO

Cantarão sobre os caminhos do Senhor: “Grande é a glória do Senhor!” (Sl 138(137),5.

CONVICÇÃO

Jesus não veio para impor adesões ou atos de fé forçados. Não procura gregários, mas povo livre que acredita, em plena liberdadee fidelidade. O seu caminho será o caminho da cruz. Diante do mundocuja lógica do forte é a de se impor mesmo à custa da vida dos outros, Jesus toma o caminho oposto: eu morro, para que vocês vivam. Por isso o seu Reino não é deste mundo; não se fundamenta sobre instrumentos de poder que este mundo constrói para si, nem se defende ou se impõe com os instrumentos dos poderes deste mundo.

O único fundamento do Reino é a fé, tornada vidaconcreta e paga na própria pele. A Igreja é “indefectível” só pela fé. Lá onde a Igreja não for capaz de ler com a fé a história e a vida de um povo, poderá permanecer ao nível de institutição sacra, que celebra ritos e distribui sacramentos. Mas de fato será ausente, estranha, como morta, em relação a um povo que continuará a ser objeto da ação salvadora de Deus, sem talvez encontrar quem lh’o anuncie ou o encaminhepara a fé. De nada valerão os apelos formais ou as condenações das “doutrinas aberrantes”. Cedo ou tarde, todos nósfazemos a nós mesmos uma pergunta fundamental para a nossa vida: quem é Cristo? Quem é este homem que veio entre nós, que faz obras extraordinárias, que fala uma doutrina nova, que atrai o homem, que quer levá-lo à entrega total a Deus e ao amor pleno para com os irmãos?